Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Rondônia

31c

IBGE visita mais de 11 mil propriedades rurais de RO em um mês

Postado Dia 7 de novembro de 2017

Por Hosana Morais, G1 RO

Após um mês do início do Censo Agropecuário 2017 em Rondônia, os recenseadores visitaram e finalizaram os trabalhos em 11.232 propriedades rurais em todo o estado, de acordo com Jorge Elarrat, coordenador estadual de treinamento do censo agropecuário 2017, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas de Rondônia (IBGE-RO).

Conforme Elarrat, 56% das 104 mil propriedades a serem visitadas já tiveram os trabalhos iniciados. “O nosso total é de 58.400 locais onde já iniciamos o trabalho, mas desse valor total, 11.232 unidades já foram finalizadas. A previsão de entrega dos dados é para o dia 28 de fevereiro”, explica o coordenador.

O coordenador informou ainda que para a coleta de dados, quatro modelos de propriedades são visitadas pelos recenseadores. “Nós visitamos o extrativista que não possui terra, mas extrai a matéria-prima da floresta; visitamos a pessoa que planta e cria animais para a próprio consumo; vamos ainda nas propriedades onde há o produtor de agricultura familiar e temos o produtor de grande porte, como os sojeiros”, informa Elarrat.

 

Dados serão divulgados após a entrega do Censo Agropecuário em fevereiro de 2018 (Foto: Hosana Morais/G1)

Dados serão divulgados após a entrega do Censo Agropecuário em fevereiro de 2018 (Foto: Hosana Morais/G1)

 

Sobre os dados da coleta, o coordenador afirma que somente em fevereiro os dados poderão ser repassados. “Com relação ao andamento da coleta, não temos ainda os dados que possamos passar, pois estamos trabalhando com os demais órgãos, que trabalham com a dinâmica da produção, como a Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater)”, diz o coordenador.

Ao todo, 341 pessoas estão em campo para realizar o recenseamento em Rondônia. “Por dia, alguns recenseadores podem fazer de seis a oito propriedades, mas há dias que apenas três são feitas. Devemos ressaltar ainda que os recenseadores em campo usam boné, colete e um crachá, eles sempre estão devidamente identificados para evitar algum problema”, declara Elarrat.

A previsão de entrega para o Censo Agropecuário 2017 em Rondônia é para fevereiro, segundo o IBGE do estado. “Estamos trabalhando com muita velocidade, pois iniciará o período das chuvas e pode prejudicar os trabalhos por conta das estradas”, finaliza Elarrat.

%d blogueiros gostam disto: