Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2019

Rondônia

31c

Nota oficial da FIERO sobre a revisão na tarifa de energia

Postado Dia 13 de dezembro de 2018

A Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero) manifesta sua indignação com os índices apurados na revisão da tarifa de energia elétrica autorizado para Rondônia pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

O setor produtivo não pode arcar com a ineficiência da gestão das companhias distribuidoras de energia e aceitar, em um ano de inflação na ordem de 4 por cento, aumento em um dos principais insumos, representando em muitas atividades industrias cerca de 30 do custo total de produção.

A medida é um verdadeiro desestímulo à retomada do crescimento tão almejado pelo segmento industrial de Rondônia.

A sociedade rondoniense, o setor produtivo e a classe política precisam encontrar meios de encaminhar a resolução desse problema da melhor maneira possível. Rondônia não pode continuar sendo um estado que gera energia para abastecer 40 milhões de brasileiros e, paradoxalmente, castigar a população com a mais elevada tarifa do território nacional.

Insumo básico para a indústria, energia elétrica é um dos itens que mais contribuem para o custo da produção, impactando diretamente na recuperação que o setor vem experimentando, depois de anos de encolhimento da atividade.

A Fiero entende que o consumidor e o setor produtivo de Rondônia não podem ser penalizados pelos problemas decorrentes de políticas errôneas adotadas para o setor elétrico.

A Fiero e as indústrias por ela representadas confiam que o Grupo Energisa adotará estratégias para redução de perdas não técnicas, eficiência na distribuição e comercialização e gestão de alto nível, para garantir, nos próximos anos, significativa redução da tarifa de energia elétrica em Rondônia, para que a indústria possa definitivamente recuperar sua capacidade de competir com o mercado globalizado.

A diretoria

Assessoria de Comunicação Social do Sistema Fiero

Dr Guilherme
FA produçoes
%d blogueiros gostam disto: